Bombay

Azul Enganador

26 setembro 2006

La mentirosa


Sou uma grande mentirosa! Há quanto tempo não estou já de férias... mas deixei-me estar assim, fazendo crer que sim, que me tinha perdido nesse início de setembro lá muito perto do Atlas. Não me apeteceu dizer ao mundo que já tinha vindo, atravessado em Ceuta, galgado o mar e estava em terras lusas. O mundo que descobrisse que eu tinha chegado, que me molhava já nas primeiras chuvas do outono e começava a respirar sem ter que dizer...

Além de mentirosa, interesseira... é que isto de deixar pregado o letreiro das férias também se me revelava bastante útil. Estava condignamente justificada a ausência de palavras. Porque a verdade é bem outra: não há palavra. Estou muda para começo de outono. Sem linguagem, senão a chuva.

2 Comments:

  • At 23:12, Blogger Gabbiano said…

    Tenho vindo aqui procurar-te. Sem saber onde mais o fazer. Benvinda, H.

     
  • At 23:54, Blogger D em Coimbra B said…

    O Atlas consome imenso tempo para nos desfazermos dele.

     

Enviar um comentário

<< Home